CASO METRÔ – ALSTOM SUBORNOU GOVERNO COVAS EM R$ 32 MILHÕES

Ex-executivo do grupo francês, a primeira testemunha obtida pelo Ministério Público de São Paulo, afirma que propina paga em 1998 para obter contrato com a EPTE (Empresa Paulista de Transmissão de Energia) equivale a 12,1% do valor do total, de R$ 263 milhões; preço das subestações também foi superfaturado em R$ 16,2 milhões; na época, Secretaria de Energia era comandada por Andrea Matarazzo, que foi um dos arrecadadores da campanha presidencial de FHC; até então, investigações tinham apenas documentos do exterior como provas

19 DE MARÇO DE 2014

247 – A Alstom pagou propina de R$ 31,9 milhões, em valores atualizados, para garantir contrato em 1998 com estatais paulistas do setor de energia. A denúncia foi feita por um ex-executivo do grupo francês, em colaboração com o Ministério Público de São Paulo.

A propina paga na gestão tucana de Mario Covas equivale a 12,1% do valor do contrato, de R$ 263 milhões. Até então, investigações tinham apenas documentos do exterior como provas. Testemunha afirma ainda que o preço das subestações de energia vendidas à Eletropaulo e à EPTE (Empresa Paulista de Transmissão de Energia) também foi superfaturado em R$ 16,2 milhões, disse a testemunha.

Na época, a pasta era comandada por Andrea Matarazzo. Ex-secretário de Covas, ex-ministro de Comunicação Social do governo Fernando Henrique Cardoso e ex-secretário de Cultura das gestões de Alberto Goldman e de Geraldo Alckmin, Matarazzo foi indiciado por corrupção passiva, após investigação da Polícia Federal, mas o tucano afirma que não conhece os lobistas, empresários e executivos que protagonizaram o escândalo que envolve pagamento de propina para favorecimento em licitações do metrô de São Paulo.

Em 1998, Matarazzo foi um dos arrecadadores da campanha presidencial de FHC e também apontado como um dos responsáveis pelo caixa dois do partido naquela disputa. Para saber mais, leia Propina da Alstom ajudou a bancar reeleição de FHC

Leia aqui a matéria da Folha de S. Paulo sobre o assunto.

http://www.brasil247.com/pt/247/sp247/133665/Alstom-subornou-governo-Covas-em-R$-32-milh%C3%B5es.htm

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s